Blog


Blog do Empreendedor
O cotidiano de empreendedores como você
Twitter Facebook Orkut
Aumentar texto Diminuir texto

Quatro verdades e uma mentira sobre empreender

24 de abril de 2017

Também decidi entrar na corrente do Facebook, então aqui estão algumas verdades e uma mentira para quem está pensando em empreender no meio da pior crise da história do Brasil. Que “sorte” que temos, de viver este momento histórico, não é mesmo? Brincadeiras à parte, acredito sinceramente que este é o momento mais oportuno para iniciar um novo negócio. Quando estão todos retraindo, existe mais espaço livre. Por outro lado, as chances de erro são bem menores, e o capital mais escasso que nunca.

1. Jogue fora a mística de que os empreendedores nascem prontos, ou que é genético. A verdade é que os empreendedores vem de todo tipo, gênero, tamanho e idade. E passam muitos anos se dedicando, preparando e aprendendo até encontrar a alavanca correta para fazer tudo acontecer. Por isso, não se deixe intimidar nem pelo sucesso nem pelo fracasso dos outros. Cada um tem sua própria história.

2. Não superestime a ideia do negócio. É importante, sem dúvida: a ideia é o início de tudo. Quanto mais bacana e redondinha, maiores as chances de captar investimento e de ser rentável. Porém, mesmo as melhores ideias fracassam quando não estão bem realizadas. Se eu fosse jogador, eu preferiria apostar numa ideia ruim com um time bom, do que uma ideia genial com um time medíocre. E você?

3. A liberdade do empreendedor é muito limitada. É claro podemos inventar nossas próprias regras (dentro da lei, é claro). E também podemos nos vestir de um jeito ou outro, e decidimos quando tirar férias. Mas não podemos esquecer que o empreendedor é responsável pela sobrevivência e bem estar financeiro da empresa, e isso significa fazer tremendos sacrifícios pessoais, trabalhar longas horas e muitas vezes tirar dinheiro do próprio bolso para fechar as contas do mês.

4. Empreender é uma forma rápida de ficar rico. Fácil de ver que esta é a mentira. Não se engane, nunca foi fácil, e nunca vai ser. Algumas pessoas tem uma ideia romantizada sobre ser dono do próprio negócio. É fácil entender porque: vivemos numa sociedade que valoriza as ideias com potencial de prosperidade, e também o prestigio que um negócio bem-sucedido proporciona. Porém, o caminho vai ser duro e cheio de imprevistos.

5. Quanto melhor preparado o empreendedor estiver, melhores são as chances de sucesso. Por isso, não espere a crise passar para começar a pensar em empreender. Aproveite o momento para estudar, se autoconhecer e testar sua ideia e sua capacidade.  Respire fundo, cruze os dedos e vá em frente!

Ivan Primo Bornes – fundador do Pastifício Primo: ivan.primo@pastificioprimo.com.br