Blog


Blog do Empreendedor
O cotidiano de empreendedores como você
Twitter Facebook Orkut
Aumentar texto Diminuir texto

O que os protestos no Brasil podem ensinar sobre viralizar a sua empresa nas redes sociais

18 de junho de 2013

Como tornar o seu produto conhecido para as massas

Uma das coisas que sempre buscamos, principalmente no empreendedorismo digital, é o efeito de rede. Um usuário trazendo seus amigos para usar os nossos serviços e este amigos trazendo mais e mais pessoas em uma progressão geométrica. Alguns chamam isso de efeito viral.

Algumas coisas me fizeram pensar sobre isto nessas últimas semanas: a primeira foi o livro recém-lançado que eu li nas minhas férias: “Inferno”, do Dan Brown, no qual ele fala sobre a super população humana que também cresce em PG e os efeitos de uma epidemia que poderia aniquilar boa parte do mundo.

A segunda coisa que me fez pensar sobre isso foi como ocorreu a organização e a comunicação sobre os protestos em São Paulo e pelo Brasil, que foi “viralizada” pelas redes sociais. Tanto a organização quanto a cobertura dos eventos.

Há algum tempo atrás eu li um livro chamado “The tipping point”, do Malcolm Gladwell, onde ele tenta explicar porque alguns produtos e algumas empresas viralizam e outras não. Ele fala de 3 aspectos que são necessários para que uma empresa atinja o ponto da virada que ele chama de “3 rules of epidemics”:

Law of the few – Ele cita que algumas pessoas são muito bem conectadas e são experts em suas áreas e convencer e comunicar-se para essas pessoas é fundamental.

The stickness factor – A mensagem tem que ser algo que seja fácil de se lembrar e seja relevante.

The power of Context – Tem que existir um contexto propício para que a mensagem se dissemine, como uma sensação de todos de que se precise fazer alguma coisa.

É interessante tentar entender o que o ocorreu nos protestos sobre a ótica do Malcom Gladwell. Os 3 fatores estavam presentes e talvez por isso que desta vez os protestos foram viralizados. Atingir o ponto da virada nos negócios não é tão simples.

Mesmo conhecendo a teoria do livro, é muito difícil encontrar as pessoas certas, a mensagem certa e o contexto certo para tornar o seu produto viral. No Fashion.me sempre buscamos mecanismos de viralização. Eles são maneiras bastante baratas e muitas vezes eficazes de se adquirir mais usuários e fazer marketing.

Algumas das coisas que fazemos são: conversar com influenciadores (Law of the few), mostrar o que fazemos e convidar eles a divulgarem o nosso trabalho se eles gostarem. Testar o tempo todo mensagens e maneiras de se comunicar diferente (Stickness Factor) para cada canal de contato com o usuário para entender qual é o melhor jeito de falar com ele.

Buscar os melhores canais para falar da empresa (Power of context), e as vezes eles não são óbvios, além dos canais tradicionais como facebook, instagram, twitter e etc, já fizemos parcerias com faculdades, revistas, programas de tv e etc. Este com certeza não é o único modo de entender como atingir o ponto da virada, mas eu recomendo a leitura do livro do Gladwell.