Blog


Blog do Empreendedor
O cotidiano de empreendedores como você
Twitter Facebook Orkut
Aumentar texto Diminuir texto

O Dia do Consumidor é também um dia para o varejo online

8 de março de 2017

As datas sazonais sempre foram grandes aliadas do varejo, tanto no on como no offline, e ultimamente, diante dos desafios da economia, elas têm sido ainda mais importantes para alavancar as vendas. Na próxima semana, em 15 de março, o Dia do Consumidor traz mais uma dessas oportunidades, principalmente no e-commerce. A cada ano, novas marcas e varejistas aderem à ideia de oferecer descontos e brindar o consumidor, personagem central da comemoração, com a possibilidade de comprar aquele produto tão desejado a um preço mais acessível.

Para se ter uma ideia do potencial desta data para o varejo online, no ano passado o Mercado Pago, fintech especializada em pagamentos online que atende milhares de lojas online na América Latina, realizou uma promoção durante toda a semana em que foi comemorado o Dia do Consumidor. As lojas online que participaram da promoção tiveram um incremento médio de 92% nas vendas durante o período, quando comparado à semana anterior. Os descontos oferecidos ao consumidor foram de, em média, 70%.

Para 2017 a expectativa é que mais uma vez essa data alavanque as vendas do e-commerce. Uma pesquisa realizada pelo Mercado Pago, no mês passado, com 1500 consumidores online mostrou que apesar de a data ainda não ser tão popular – 78% dos entrevistados não a conheciam -, depois de tomarem conhecimento 86% disseram que pretendem aproveitar o período para ir às compras.

A pesquisa também mostrou que os consumidores querem estar informados sobre as promoções. E, contrariando algumas teses de Marketing, o e-mail foi apontado por 37% dos entrevistados como o meio favorito para receber as ofertas. Em seguida vieram as redes sociais (36%). Quanto às promoções que esperam encontrar, a oferta de frete grátis foi a primeira opção escolhida pela maioria (76%), seguida de descontos agressivos (61%). Entende-se por agressivos descontos de 50% ou mais.

Produtos de informática (38%) seguidos por ferramentas (23%) e acessórios automotivos (20%) foram os itens mais citados como objetos de compra na data. Quanto ao modelo de pagamento, 47% dos entrevistados afirmaram que preferem parcelar, sem juros, no cartão de crédito e 28% indicaram o boleto bancário como a forma de pagamento preferida.

Se você é um empreendedor online não deixe passar essa oportunidade. Já estamos a uma semana da data e talvez ampliar o estoque agora não seja viável, mas ainda dá tempo de preparar uma ação promocional com foco nos produtos que já estão na prateleira. Boas vendas!

Stelleo Tolda é COO (Chief Operating Officer) e co-fundador do Mercado Livre.